2facebook

Combater o assédio

assedio laboral

20170623CartaReivindicativaTrabalho por Turnos sintese 1

Leis & Direitos

Direitos de parentalidade



COVID-19 - Perguntas e respostas

salarios190

Formação Profissional

20170612Inovinter Qualifica2

Acção Sindical

Pré e Reformas e outras matérias…
Administração “a meter água, atira bóia…”

Como já se tinha informado anteriormente, a administração está a violar de uma forma inqualificável o ACT nas condições da pré reforma, particularmente pelos resultados na subsequente reforma.

Essa acção tem o objectivo assumido de restringir direitos exclusivos dos trabalhadores e, dessa forma, apropriar-se de valores avultados à custa dos dinheiros da Segurança Social e do prejuízo da melhoria legítima das reformas.

Ler Comunicado aos trabalhadores do Grupo EDP

 

Continuamos à espera de que a Administração se digne a apresentar uma proposta que valorize os salários!

Uma vez mais exigimos ontem na reunião que a Administração, 06 de maio, que a REN oficializasse as suas propostas. discutidas nas reuniões bilaterais.

A reunião plenária de ontem acabou por se transformar numa sucessão de reuniões bilaterais onde o lema “Dividir para reinar” foi usado e abusado, acabando por não trazer nada de novo.

Apenas queremos parte da riqueza que geramos com o nosso trabalho!

Ler Comunicado aos trabalhadores do grupo REN

 

INACEITÁVEL! O CAMINHO É O DA LUTA!

A Comissão Negociadora /Fiequimetal não deitará a toalha ao chão no sentido de tudo fazer por uma justa distribuição da riqueza que os trabalhadores geraram no último ano.

Este comportamento inqualificável da Administração de uma Empresa que nos últimos anos atingiu lucros colossais deve merecer o repudio dos trabalhadores, sobretudo num ano em foram sujeitos a um contexto sanitário absolutamente exepcional.

Vamos lutar pela melhoraria dos salários dos trabalhadores do grupo EDP e, em conjunto com os trabalhadores, forçar a administração a continuar as negociações.

Ler Comunicado aos trabalhadores do grupo EDP

trabalhadores do grupo EDP O CAMINHO É O DA LUTA

A direcção do SIESI saúda a luta dos trabalhadores da Otis Elevadores, de 30 de Abril em todo o país e a grande concentração efectuada em Lisboa.

É determinante a consciência de classe para a melhoria das condições de vida e trabalho de todos, hoje e sempre!

Apelamos ainda a uma maior sindicalização nos sindicatos pois é com a força e união dos trabalhadores que será possível atingir mais e melhores resultados.

 SIESI saúda a luta dos trabalhadores da Otis Elevadores

Greve de 22 a 27 de Abril demonstrou unidade e firmeza dos trabalhadores da EXIDE

A Direcção do SIESI e as ORTs saúdam os trabalhadores da EXIDE pelo exemplo de unidade e firmeza que demonstraram durante os períodos de greve, para reivindicar uma melhoria significativa dos seus salários e das suas condições de vida e de trabalho.

Esta greve que agora termina, com uma expressão bastante significativa na adesão e na mobilização para os piquetes e que paralisou na totalidade a produção nos períodos da greve, demonstrou que os trabalhadores estão disponíveis para lutar para alcançar os seus objectivos. Perante esta situação, a empresa terá de dar um salto qualitativo na sua proposta de aumento salarial.

Continuamos, como sempre até ao momento, disponíveis para negociar e encontrar soluções para resolver os problemas e aspirações dos trabalhadores da EXIDE, pelo que aguardamos uma nova reunião negocial com a empresa, para realizarmos plenários posteriormente.

Os trabalhadores da EXIDE devem manter a unidade que construíram e manterem-se firmes na defesa dos seus legítimos interesses e aspirações.

O SIESI apela a que os trabalhadores façam do 1º de Maio um dia de luta pelo aumento dos salários e que participem na jornada de luta convocada pela CGTP-IN, em Lisboa, organizados no seu sindicato de classe, o SIESI.

A luta continua!

Greve de 22 a 27 de Abril demonstrou unidade e firmeza dos trabalhadores da EXIDE

 

Debate
“JUVENTUDE EM RISCO”

No dia 30 de Abril de 2021 às 21H vai-se realizar um debate da comissão de Jovens do SIESI com o titulo: “JUVENTUDE EM RISCO” e vamos falar dos seguintes temas:

• O papel dos jovens no meio laboral atual
• A precariedade
• A habitação para os jovens
• Entre outros temas…

O Debate será transmitido ao vivo através do Facebook do SIESI https://www.facebook.com/siesisindicato/ e está aberto para a todos e a todas que queiram participar.

Esperamos pela tua participação!

Greve dos trabalhadores da Otis Elevadores em todo o país

30 de Abril de 2021, das 00h às 24hs.
Greve dos trabalhadores da Otis Elevadores Portugal em todo o país.

Os trabalhadores da multinacional norte americana Otis Elevadores, que emprega mais de 500 trabalhadores em todo o país, estarão em Greve no dia 30 de Abril, das 00:00hs às 24:00hs.

Os Sindicatos da Fiequimetal/CGTP-IN convocaram a Greve após a aprovação unânime nos plenários realizados por não haver acordo sobre a negociação salarial para este ano, apresentada no Caderno Reivindicativo para 2021.

Todos os trabalhadores da empresa que queiram aderir estão abrangidos, sendo sindicalizados ou não. O dia é considerado justificado para todos os efeitos, excepto quanto à retribuição.

Concentração em Lisboa, na Expo às 10hs.

Haverá concentração de trabalhadores em Lisboa, na Expo em frente à Gare do Oriente, à partir das 10hs para demonstrar a insatisfação dos trabalhadores. Os trabalhadores das várias regiões do país terão transporte assegurado para participar nesta concentração, os dirigentes e delegados sindicais tratarão das inscrições.

Em causa está a proposta do Caderno Reivindicativo para 2021 que não foi aceite pela administração de modo satisfatório a proporcionar a recuperação do poder e de forma a haver uma justa distribuição da riqueza criada na empresa.

Se a SICMAN não sabe e a SIEMENS não conhece...
Temos plenário/concentração dia 29

O SIESI foi surpreendido com a contratação de trabalhadores para a operação no Aeroporto Humberto Delgado, através de uma empresa de trabalho temporário, e com contornos que não são claros.

A SICMAN afirma que não tem nem teve nenhum processo de contratação em curso. A SIEMENS diz que este é um tema da SICMAN.

O SIESI não teve alternativa senão ter feito um pedido de inspecção à ACT, no sentido de clarificar, por um lado, quem contratou quem e por que vias e, por outro, porque é que continua a ser vedada a execução de funções aos trabalhadores que resistiram e conseguiram impedir o despedimento.

No dia 29 de Abril, às 11h00, o SIESI irá promover um plenário de trabalhadores, no sentido de discutir com todos os trabalhadores esta e outras situações em curso na empresa e decidir as medidas a tomar. A Secretária-Geral da CGTP-IN, Isabel Camarinha, participará na concentração.

Ler Comunicado aos trabalhadores da SICMANos trabalhadores da SICMAN

 

REN não avança nas propostas,
A ver onde param as modas na EDP!

A Fiequimetal reafirmou, na reunião do passado dia 23 de Abril, que os trabalhadores da REN esperam que a administração chegue a acordo com um aumento significativo da tabela salarial para 2021, valorizando assim o esforço que os trabalhadores fizeram durante a pandemia.

Uma Empresa que distribui aos seus accionistas mais de 114 M€, valor superior em 6M€ aos resultados obtidos em 2020, endividando-se para encher os bolsos aos capitalistas, não pode deixar para trás os seus trabalhadores, mantendo a vergonhosa proposta de apenas 0,3%.

A empresa podia até invocar razões aceitáveis para aquilo que propõe, mas o facto de distribuir mais dividendo ao acionista do que o próprio lucro e as afirmações do CEO de que a REN está economicamente bem e que se recomenda, líquida qualquer explicação que possa invocar. Posto isto, é um facto absolutamente incompreensível e inaceitável aquilo que oferece. Os trabalhadores exigem uma explicação cabal para uma situação destas, pois o que está em causa é que os trabalhadores criaram será dado aos acionistas não ficando nada para quem se esforçou e suou para que estes números fossem possíveis!

Também na matéria das deslocações prolongadas a administração não dá sinais de se aproximar das propostas sindicais.

Os trabalhadores exigem respeito e valorização uma vez que são eles que produzem toda a riqueza que a administração distribui alegre e descabidamente.

Os sindicatos da Fiequimetal vão encetar uma ronda de contactos e plenários por forma a esclarecer os trabalhadores e aferir a sua opinião sobre esta situação.

Apelamos à participação de todos.
Sindicaliza-te nos sindicatos da Fiequimetal
Defende os teus direitos

PARA MAIS JUSTIÇA NA DISTRIBUIÇÃO DA RIQUEZA

Exigimos melhores salários, diuturnidades para todos e redução das carreiras profissionais

As empresas do sector FMEE têm acumulado muitos milhões de euros de lucros ao longo dos anos. No entanto, as multinacionais dominantes, que desde o início da epidemia de COVID-19 se lançaram numa corrida aos recursos públicos, designadamente da Segurança Social, através do «lay-off apoiado», continuam sem responder às reivindicações e aspirações dos trabalhadores!

Ler Comunicado aos trabalhadores das empresas fabricantes de material eléctrico e electrónico (sector FMEE)
FMEE