2facebook

Combater o assédio

assedio laboral

20170623CartaReivindicativaTrabalho por Turnos sintese 1

Leis & Direitos

Direitos de parentalidade



Formação Profissional

Black and Brown Modern Motivational Quote Facebook Post

Aos associados do SIESI:
Fruto da parceria entre o SIESI e a Inovinter, irá ser iniciado em Setembro o curso de Formação Pedagógica Inicial de Formadores (CAP) aberto a todos os associados do sindicato. Acede ao link https://forms.gle/eiwFiqzDcv4mbcXu5 para mais informações e para te inscreveres.

Inscrições abertas até  26 de Julho!

 

Acção Sindical

Debate
“JUVENTUDE EM RISCO”

No dia 30 de Abril de 2021 às 21H vai-se realizar um debate da comissão de Jovens do SIESI com o titulo: “JUVENTUDE EM RISCO” e vamos falar dos seguintes temas:

• O papel dos jovens no meio laboral atual
• A precariedade
• A habitação para os jovens
• Entre outros temas…

O Debate será transmitido ao vivo através do Facebook do SIESI https://www.facebook.com/siesisindicato/ e está aberto para a todos e a todas que queiram participar.

Esperamos pela tua participação!

Greve dos trabalhadores da Otis Elevadores em todo o país

30 de Abril de 2021, das 00h às 24hs.
Greve dos trabalhadores da Otis Elevadores Portugal em todo o país.

Os trabalhadores da multinacional norte americana Otis Elevadores, que emprega mais de 500 trabalhadores em todo o país, estarão em Greve no dia 30 de Abril, das 00:00hs às 24:00hs.

Os Sindicatos da Fiequimetal/CGTP-IN convocaram a Greve após a aprovação unânime nos plenários realizados por não haver acordo sobre a negociação salarial para este ano, apresentada no Caderno Reivindicativo para 2021.

Todos os trabalhadores da empresa que queiram aderir estão abrangidos, sendo sindicalizados ou não. O dia é considerado justificado para todos os efeitos, excepto quanto à retribuição.

Concentração em Lisboa, na Expo às 10hs.

Haverá concentração de trabalhadores em Lisboa, na Expo em frente à Gare do Oriente, à partir das 10hs para demonstrar a insatisfação dos trabalhadores. Os trabalhadores das várias regiões do país terão transporte assegurado para participar nesta concentração, os dirigentes e delegados sindicais tratarão das inscrições.

Em causa está a proposta do Caderno Reivindicativo para 2021 que não foi aceite pela administração de modo satisfatório a proporcionar a recuperação do poder e de forma a haver uma justa distribuição da riqueza criada na empresa.

Se a SICMAN não sabe e a SIEMENS não conhece...
Temos plenário/concentração dia 29

O SIESI foi surpreendido com a contratação de trabalhadores para a operação no Aeroporto Humberto Delgado, através de uma empresa de trabalho temporário, e com contornos que não são claros.

A SICMAN afirma que não tem nem teve nenhum processo de contratação em curso. A SIEMENS diz que este é um tema da SICMAN.

O SIESI não teve alternativa senão ter feito um pedido de inspecção à ACT, no sentido de clarificar, por um lado, quem contratou quem e por que vias e, por outro, porque é que continua a ser vedada a execução de funções aos trabalhadores que resistiram e conseguiram impedir o despedimento.

No dia 29 de Abril, às 11h00, o SIESI irá promover um plenário de trabalhadores, no sentido de discutir com todos os trabalhadores esta e outras situações em curso na empresa e decidir as medidas a tomar. A Secretária-Geral da CGTP-IN, Isabel Camarinha, participará na concentração.

Ler Comunicado aos trabalhadores da SICMANos trabalhadores da SICMAN

 

REN não avança nas propostas,
A ver onde param as modas na EDP!

A Fiequimetal reafirmou, na reunião do passado dia 23 de Abril, que os trabalhadores da REN esperam que a administração chegue a acordo com um aumento significativo da tabela salarial para 2021, valorizando assim o esforço que os trabalhadores fizeram durante a pandemia.

Uma Empresa que distribui aos seus accionistas mais de 114 M€, valor superior em 6M€ aos resultados obtidos em 2020, endividando-se para encher os bolsos aos capitalistas, não pode deixar para trás os seus trabalhadores, mantendo a vergonhosa proposta de apenas 0,3%.

A empresa podia até invocar razões aceitáveis para aquilo que propõe, mas o facto de distribuir mais dividendo ao acionista do que o próprio lucro e as afirmações do CEO de que a REN está economicamente bem e que se recomenda, líquida qualquer explicação que possa invocar. Posto isto, é um facto absolutamente incompreensível e inaceitável aquilo que oferece. Os trabalhadores exigem uma explicação cabal para uma situação destas, pois o que está em causa é que os trabalhadores criaram será dado aos acionistas não ficando nada para quem se esforçou e suou para que estes números fossem possíveis!

Também na matéria das deslocações prolongadas a administração não dá sinais de se aproximar das propostas sindicais.

Os trabalhadores exigem respeito e valorização uma vez que são eles que produzem toda a riqueza que a administração distribui alegre e descabidamente.

Os sindicatos da Fiequimetal vão encetar uma ronda de contactos e plenários por forma a esclarecer os trabalhadores e aferir a sua opinião sobre esta situação.

Apelamos à participação de todos.
Sindicaliza-te nos sindicatos da Fiequimetal
Defende os teus direitos

PARA MAIS JUSTIÇA NA DISTRIBUIÇÃO DA RIQUEZA

Exigimos melhores salários, diuturnidades para todos e redução das carreiras profissionais

As empresas do sector FMEE têm acumulado muitos milhões de euros de lucros ao longo dos anos. No entanto, as multinacionais dominantes, que desde o início da epidemia de COVID-19 se lançaram numa corrida aos recursos públicos, designadamente da Segurança Social, através do «lay-off apoiado», continuam sem responder às reivindicações e aspirações dos trabalhadores!

Ler Comunicado aos trabalhadores das empresas fabricantes de material eléctrico e electrónico (sector FMEE)
FMEE

 

GREVE 30 DE ABRIL, LISBOA - EXPO 10HS

Pela negociação colectiva e por melhores salários!

Comissão InterSindical da Fiequimetal reuniu com a Direcção da empresa, no passado dia 26 de Março, para discutir os aumentos salarias e outras rúbricas do Caderno Reivindicativo para 2021.

Por isso convocamos os trabalhadores da empresa, sindicalizados ou não, a participarem nos plenários que serão realizados no mês de Abril, conforme calendário abaixo:

Local

Data

Hora

Mercês

22 de Abril (Quinta-feira)

13:30

Cascais

23 de Abril (Sexta-feira)

13:30

Amadora

27 de Abril (Terça-feira)

13:30

Ordem de Trabalhos:

1— Negociação salarial 2021;

2 — Acções de luta;

3 — Diversos.

Os trabalhadores da EXIDE reafirmaram, em plenários realizados na sexta-feira, dia 16 de Abril, a decisão de avançar para greve para reivindicar aumentos salariais condignos.

Na última reunião negocial a Direcção da empresa subiu a sua contraproposta para os 25€, ainda aquém das necessidades e expectativas dos trabalhadores e das possibilidades da empresa.

A moção aprovada no plenário por grande maioria dos trabalhadores reafirma a decisão de avançar com uma greve de 2 horas por turno, a iniciar no dia 22 e a terminar no dia 28 de Abril. Os trabalhadores consideram insuficiente a contraproposta da Direcção e reivindicam um mínimo de 50€ de aumento salarial e a negociação das restantes matérias constantes na proposta de revisão da matéria pecuniária do AE.

Os trabalhadores irão paralisar das 10h30 às 11h30 e das 13h30 às 14h30; das 18h30 às 19h30 e das 21h30 às 22h30; e nas duas últimas horas do período de trabalho nos turnos da noite.

O SIESI e as restantes ORTs apelam a uma elevada adesão à greve de forma a demonstrar a força e a unidade dos trabalhadores em torno das suas reivindicações e aspirações a uma vida melhor.

Ler Moção aprovada pelos trabalhadores da Exide reunidos em plenário no dia 16 de Abril de 2021

A CONTINUAÇÃO DA REUNIÃO PLENÁRIA FOI
A CONTINUAÇÃO DO NADA.

Após a reunião desta 6ª feira, que seria a continuação da última plenária, o resultado continua a ser nulo na valorização dos trabalhadores do Grupo EDP.

A administração voltou com a mesma proposta, não fazendo nenhuma alteração aos valores que tinha apresentado, apenas afirmando que temos uma administração aberta à negociação, como tem feito até aqui.

Temos pena que isso não seja uma realidade, pois, por mais que o afirmem, uma análise da negociação em processo prova exactamente o contrário.

É por demais evidente que a administração continua a querer negar aos trabalhadores a valorização devida, enquanto distribui pelos acionistas 753 Milhões.

Por isso amanhã, TERÇA-FEIRA, DIA 20, vamos TODOS, independentemente da filiação sindical, mostrar o nosso descontentamento e protestar, FAZENDO GREVE e participando na
CONCENTRAÇÃO ÀS 11 HORAS.

junto à sede da EDP (Av. 24 de Julho, nº 12, em Lisboa).

Vamos aproveitar o momento para entregar o abaixo-assinado em defesa de uma nova e mais justa progressão nas carreiras, que já juntou a assinatura de centenas de trabalhadores.

Todos juntos somos mais fortes.

Junta-te à luta. Diz não a esta postura da Administração.

ADERE À GREVE NO DIA 20!

Reforçado o apelo à greve na EDP dia 20 terça feira

TANTA ESPERA PARA TÃO FRACA PROPOSTA
iniciou-se finalmente a negociação salarial de 2021

 A Fiequimetal defendeu, na reunião de ontem, dia 15 de Abril a proposta de tabela salarial para 2021 que apresentou em 21 de janeiro passado, em que prevê um aumento nominal de 90€ por trabalhador.

Ler Comunicados aos trabalhadores do grupo REN

Todos em GREVE no dia 20 de Abril
Pelo respeito e valorização de quem trabalha!

A administração da EDP acha que não produzes o suficiente para te dar aumentos dignos. Acha que não vais tomar posição e que te vais resignar ao “inevitável” e assistir passivamente aos mais de 800 milhões a passar para o outro lado

Ler Comunicado aos trabalhadores das empresas do Grupo EDP