2facebook

20170623CartaReivindicativaTrabalho por Turnos sintese 1

PETICAO PRECARIEDADE 250

SIESI Informa - Abril 2017

jornalsiesiCONTINENTE

Leis & Direitos

Direitos de parentalidade



Acção Sindical

20180202EncontroJovens460

No encontro de jovens trabalhadores, que a Fiequimetal e os sindicatos levaram a cabo na sexta-feira, dia 2, foi aprovada uma resolução em que são apontados os principais problemas, são exigidas medidas políticas e é feito um apelo ao prosseguimento da luta, desde já na manifestação de 28 de Março.

No encontro, realizado na Casa Sindical, no Porto, participaram 62 dirigentes, delegados e outros activistas dos vários sectores do âmbito dos sindicatos da federação.

Participaram também o coordenador da Interjovem e o coordenador da Fiequimetal.

Participa no plenário dia 07/02 às 10,30hs.

Por melhores salários!

A Direcção e a Comissão Sindical do SIESI na Tecnospie estiveram reunidas com a nova direcção da empresa, no passado dia 17 de Janeiro, para debater sobre as alterações que se verificaram nas últimas semanas.

Os representantes sindicais apresentaram como necessidades urgentes a resolução das condições de higiene que actualmente existem na fábrica, pelo que a nova direcção assumiu o compromisso de verificar o que falta resolverpassa para uma resolução rápida.

No plenário serão debatidos a resposta de Caderno Reivindicativo para 2018, bem como a actual situação na empresa, como as condições e volume de trabalho.

 fevereiro de 2018

A Direcção e Comissão Sindical do SIESI

Banco de Horas

“Banco de horas” não é aplicável aos sócios do SIESI

Através de “Informação” a administração da MagP pretendeu aplicar a todos os trabalhadores a aplicação, com efeitos a 1 de Fevereiro de 2018, do que chama de “banco de horas” constante de uma cláusula de um alegado “Contrato Coletivo” que não subscrevemos e até se desconhece.

Assim, a Lei é clara quanto a esta matéria que só poder ser aplicada aos sócios dos “Sindicatos” que subscrevam o acordo que é invocado, o que não é manifestamente o nosso caso.

Desta forma os associados do SIESI não estão abrangidos pelo previsto e qualquer tentativa de pressionar ou intimidar os trabalhadores deve ser, de imediato, dada a informação ao Sindicato para que este possa intervir pelos meios ao seu alcance.

 

Reestruturação da Soluções Comerciais...

Situação dos trabalhadores sem alterações que impliquem afetação de direitos!

Coincidindo com a data marcada para uma reunião com Administração da Soluções Comerciais, a nosso pedido e para abordar questões relacionadas com as Lojas, a empresa convocou-nos para uma reunião hoje, pelas 9,45 horas, com o objetivo de dar a conhecer, numa atitude que consideramos positiva e de relevo para as relações laborais que devem existir, permitindo a criação de um clima de informação e acompanhamento, condição essencial para que tudo possa decorrer de forma natural e transparente, para uma reestruturação da SC que se vai iniciar de imediato e cuja conclusão é pretendida para o inicio de Março.

Os trabalhadores não aceitam desculpas
Queremos aumentos justos

A CNS/Fiequimetal repudia a forma como a administração, mais uma vez, demonstrou total falta de respeito pelos trabalhadores.

Na reunião de negociação realizada no dia 31.01.2018, a CN/EDP continuou agarrada à sua proposta inicial de 0,2%, não respondendo ao desafio que tinha sido feito na anterior reunião para apresentar um valor digno de início de negociação.

Tal posição por parte da CN/EDP não permitiu qualquer alteração da nossa posição inicial.

Exigimos da CN/EDP e da administração da Empresa uma posição mais consentânea com a empresa “socialmente responsável ” que afirma ser e que, na próxima reunião, coloque na mesa uma proposta qu e permita uma negociação rápida.

Os trabalhadores desta casa exigem respeito e uma melhor distribuição da riqueza que eles próprios criaram.

A próxima reunião ficou marcada para dia 07.02.2018.

LER COMUNICADO AOS TRABALHADORES

Alargar o tempo de funcionamento das fábricas, que é violentar o direito à família e ao lazer, e alargar o horário das creches para que os pais trabalhem mais horas, depositando os seus filhos nas creches por um número quase infinito de horas, como propõe o Governo, não é promover a conciliação da vida profissional com a vida familiar. É sim proteger e tomar partido pelo interesse das empresas, em detrimento do superior interesse das crianças e do inalienável direito dos pais a acompanharem os seus filhos.
(LER MAIS...)

Outlook jbgA Comissão Intersindical e os Sindicatos da Fiequimetal têm conhecimento de que a direcção da empresa se prepara para aplicar os aumento salariais no mês de Janeiro, por acto de gestão. Apesar de alguns princípios da nossa proposta estejam presentes nesta aplicação do aumento, embora insuficientes, NÃO existe nenhum Acordo, quer para as rúbricas, quer para os montantes.

LER COMUNICADO

Tabela EDP 2018 informa2

A CNS/Fiequimetal defendeu, na a reunião de negociação realizada dia 24 de Janeiro, um aumento real e significativo dos salários na a EDP.

A administração da Empresa apresentou uma proposta de 0,2% que considerámos insuficiente e que não mereceu qualquer alteração da nossa proposta inicial de 4%.

Esperamos que na próxima reunião, marcada para dia 31 de Janeiro, a CN/EDP apresente um valor condigno para início de negociação.

LER COMUNICADO AOS TRABALHADORES DA EDP

A comissão intersindical SIESI/SITE-Sul solicitou uma reunião à administração da HANON para o dia 16 de Janeiro de 2018.

No entanto, no dia e hora da reunião marcada (e que a administração aceitou), dirigentes sindicais foram barrados à entrada das instalações da empresa, impossibilitando a discussão de importantes matérias que preocupam os trabalhadores, bem como a sua resolução.

Perante esta situação, a comissão intersindical do SIESI e do SITE-Sul solicitou à administração da empresa uma nova reunião, de carácter urgente, a realizar no dia 24 de Janeiro, para discussão do caderno reivindicativo que os trabalhadores aprovaram e de outras matérias do interesse dos trabalhadores. 

A Comissão intersindical SIESI/SITE-Sul
16 de Janeiro de 2018

technology

A comissão sindical e dirigentes do SIESI reuniram no dia 17 de Janeiro com a administração da CISEC tendo em vista a resposta, por parte da empresa, ao conteúdo do caderno reivindicativo entregue na reunião anterior.

A empresa indicou que ainda não fechou as contas do ano transacto e que, por esse motivo, não está disponível para responder no imediato a matérias como os aumentos salariais, o subsídio de assiduidade, o aumento das diuturnidades ou do subsídio de alimentação. No entanto, a empresa afirma haver disponibilidade para retomar esta discussão após o fecho das contas do ano, no início de Março.

O SIESI questionou também a empresa sobre os sucessivos aumentos do preço do pequeno-almoço na fábrica da Malveira e verificou que há disponibilidade por parte da empresa para reverter estes aumentos. Relativamente ao aumento do preço dos transportes, também há disponibilidade da parte da empresa para que os trabalhadores não tenham de suportar este aumento.

Relativamente à discriminação salarial ainda existente dentro da empresa, ficou assente que o caminho de correcção da discriminação é para prosseguir durante o presente ano, conforme tem sido exigido pelo SIESI.