2facebook

Combater o assédio

assedio laboral

20170623CartaReivindicativaTrabalho por Turnos sintese 1

Leis & Direitos

Direitos de parentalidade



COVID-19 - Perguntas e respostas

salarios190

Formação Profissional

20170612Inovinter Qualifica2

Acção Sindical

As Estruturas Representativas dos Trabalhadores da EXIDE, de acordo com o que foi decidido nos plenários, vêm apelar, mais uma vez, à união de todos, assim pedimos para que ninguém venha trabalhar no dia 18 (dia da porta aberta).

Ninguém é obrigado a vir trabalhar, ao abrigo do pré-aviso de greve ao trabalhão suplementar da FIEQUIMETAL.

Mais importante que os familiares e amigos conhecerem o espaço, as máquinas e o que produzimos, é que saibam que a empresa reconhece o nosso valor todos os dias, dando-nos condições de trabalho e aumentos salarias dignos.

Basta de propostas ofensivas!
Valorizem quem produz!

Aos Trabalhadores da EXIDE

Exigimos melhores salários! Negociações fora de serviço!

Solicitamos reunião à direcção da empresa para que a negociação dos aumentos salariais continue. Por isso, em breve serão realizados plenários.

É incompreensível que após lucros consideráveis, e aumento do fluxo de caixa, a empresa ainda não tenha o seu orçamento aprovado e não saiba como serão os aumentos salariais, principalmente numa altura em que os trabalhadores mais precisam recuperar o poder de compra.

LER COMUNICADOLER COMUNICADO

Trabalhadores da Schindler

20240124EDP k 2

TODOS A CAMINHO DE LISBOA – 10 DE ABRIL

Ao longo dos últimos meses nós, os trabalhadores do Grupo EDP, temos demonstrado um enorme sentido de responsabilidade perante níveis de saturação do desrespeito que a Administração tem revelado, ao não reconhecer o nosso trabalho, o nosso esforço diário em construir uma Empresa que desejamos de referência no sector energético.

Nós os mais jovens Quadros Técnicos e Superiores na Empresa, queremos ser valorizados nas nossas carreiras profissionais e ter a esperança, que as nossas progressões, para atingir o topo das nossas carreiras se concretizam num tempo razoável da nossa vida activa.

Nós os trabalhadores mais antigos, queremos o reconhecimento de anos dados à Empresa e chegar ao final da nossa vida activa de trabalho, valorizados profissionalmente.

Não dá para esperar mais tempo, exigimos respostas às nossas exigências.

A REN tem condições económicas para ir mais longe pois tem registado um aumento dos lucros.
Utilizando as palavras da própria Administração, “Nós temos de fazer acontecer!”
A Fiequimetal e os seus sindicatos estão aqui!
E tu? Estás connosco para “FAZER ACONTECER”?

Ler comunicado